Jornal Pires Rural - 10 anos de fatos

domingo, 11 de outubro de 2015

Iniciaram as obras da Escola Rural dos Pires



Enquanto a escola esta sendo construida, Pastor Osmar acolhe as crianças no prédio da escola dominical da Igreja Luterana. 

O prédio da E.M.E.F.R. Martim Lutero que datava de 1940 foi interditado no dia 26 de abril de 2006. Através do Laudo de Vistoria Técnica nº 86/07 foi expedido o Auto de Interdição nº 10/2007 pelo Engenheiro Civil Nercy dos Reis Custódio da Seplan (Secretaria de Planejamento). O imóvel foi proibido de ser utilizado para quaisquer fins, para o proprietário ou para terceiros, pois apresentava avarias na estrutura de madeira de sustentação do telhado. O prédio onde funcionava o ensino fundamental foi demolido e as obras já se iniciaram pela empreiteira Leite de Barros, segundo o Secretário do Planejamento Ítalo Ponzo em entrevista ao Jornal Pires Rural
Os 130 alunos matriculados na escola estão estudando nas instalações da Congregação Evangélica Luterana Cristo de Pires, bairro dos Pires, desde o dia 02 de maio deste ano,
 “ As crianças estão felizes com o acolhimento”, relataram as mães na reunião de pais do dia 31de maio.
Segundo o Pastor Osmar Schneider, Congregação Evangélica Luterana Cristo de Pires, a diretoria da Escola Martim Lutero demonstrou o interesse em mudar a estrutura da escola para as dependências da Congregação desde novembro de 2006. A Congregação aprovou e acordaram para que as despesas de água e luz sejam ressarcidas pela unidade escolar. “ Não nos deram datas para a mudança nem a duração de permanência das crianças aqui. Aprovamos com prazer porque queremos ser útil para o bairro, é o que chamamos de “Amor Cristão, Amor ao Próximo”, então esse pedido foi considerado uma oportunidade para acentuar o nosso objetivo perante o bairro”, afirma  Pastor Osmar.
Professores e alunos foram recebidos com muito carinho e atenção. “Estamos cuidando para não parecer que a hospedagem esteja relacionada a tentar “atrair” fiéis. Tomamos esse cuidado sempre. Graças a Deus, vamos ( bairro) ter uma escola nova porque eu passei por lá e só vi o chão. Esperamos o melhor para o bairro. Deus está dando uma oportunidade através de pessoas, órgãos. É um progresso para o bairro”, conclui Pastor Osmar.

NOTA DA COMISSÃO DE PAIS DO BAIRRO DOS PIRES
A Comissão de Pais do Bairro dos Pires participou de todo o processo de interdição da E.M.E.I.F.R. Martim Lutero desde que tomou ciência da precariedade em que se encontrava o estado do telhado do prédio de ensino fundamental, no dia 5 de março deste ano. Uma vez prometida a construção de um novo prédio pelo Secretário da Educação Prof. Montesano em 24 de janeiro, esta Comissão resolveu por unanimidade pedir um Laudo do telhado para a Defesa Civil de Limeira. Com dificuldades em ter acesso ao Laudo, recorremos ao Conselho Tutelar e Conselho Municipal da Criança e do Adolescente (CMDCA) e conseguimos a informação no dia 25 de abril, de que o prédio estava interditado desde o dia 19 de abril deste ano.
A Comissão de Pais conta com total apoio da Associação Viva Pires, que tem parcerias para trazer desenvolvimento para a área rural, e a missão e comprometimento com a educação. Em se tratando de desenvolvimento, principalmente envolvendo 130 crianças correndo risco de vida, através da possibilidade de desabamento da escola, de acordo com o laudo, a Associação Viva Pires não medirá esforços para colaborar.
Aproveitamos a oportunidade para agradecer o acolhimento da Congregação Evangélica Cristo de Pires, na grande pessoa do Pastor Osmar Schneider, para que nossos 130 filhos possam permanecer no bairro enquanto as obras da Escola Martim Lutero prosseguem. Agradecemos também às Secretarias da Educação e Planejamento pelo empenho para que as obras prossigam.

Adriana Fonsaca – coordenadora da Comissão de Pais do bairro dos Pires.  



 Matéria publicada originalmente na edição 42 Jornal Pires Rural, 15/06/2007-www.dospires.com.br]
Em comemoração aos 10 anos do início do Jornal dos Pires, logo acrescentado o Rural, tonando-se Jornal Pires Rural, estaremos revendo algumas das matérias que marcaram essa década de publicações, onde conquistamos a credibilidade, respeito e sinergia com nossos leitores e amigos. 
Quase sem querer iniciamos um trabalho pioneiro para a área rural de Limeira e região, fortalecendo e valorizando a vida no campo, que não é mais a mesma desde então…

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Logo

Logo
Um Jornal a serviço da comunidade